terça-feira, 18 de novembro de 2008

O Sorriso Atípico

Sempre me fez impressão, neste ofício de blogar, a possibilidade de ilustrar o meu estado de espírito com as caretas pré-determinadas de escolha múltipla. Antipático que sou, tenho a presunção de confiar em que aos traços com que nasci cabe o exclusivo da expressividade que me convém, além de me parecer truque não- despiciendo deixar Aos que por mim fazem o favor de Se interessar o trabalho e cuidado de me lerem, logo de me olharem com mais profundidade do que a correspondente a uma postura que aproximasse do palco o quotidiano. Mas admiro quem não sente dissipar-se a personalidade e consegue dar alegria a um postador, comentando com os cómodos desenhos, sejam as rodelinhas ou os sapos.
Esta sobranceria minha estava mesmo a precisar de apanhar pancada E assim foi, graças a uma manifestação da Natureza, recorrendo à linguagem das Aves, a única que permite altos voos, fazendo de uma objectiva o interesse exemplar que, captando com felicidade, permitirá transformá-la em felicidade. Agradecendo ao Parente do Brasil que ma enviou, permito-me desejar a Todos os Que por aqui passam um excelente começo de dia:

22 comentários:

Once disse...

um verdadeiro acaso feliz esta fotografia Meu Amigo .. já os traços de antipatia do seu perfil não me convencem.

E agora, com votos de igual feliz dia, aqui lhe deixo uns dois pontos fecha parentesis (das poucas que sei o que significa) :)

Marie Tourvel disse...

Lindos! Você e o post. ;)
Um feliz dia pra você também.
Um grande beijo e meu mais aberto sorriso ao meu antipático favorito.

Patti disse...

Bom dia também para si :)

Antipático?

Ka disse...

Um excelente dia para si :)

A foto também a tenho no meu blog e achoq ue está o máximo!

Beijinho

ps - Mas quem disse que é antipático?? (de bem que suspeite que num dia menos bom a sua língua fique bídifa....hehe)

Gi disse...

Ai que lindo!
:) :D ;o

Paulo Cunha Porto disse...

Querida Once,
pois se nem uso as carantonhas sorridentes...
A oportunidade foi fantástica, pergunto-me se o fotógrafo não terá querido apenas captar os pássaros sobre um fundo feliz, vindo a ser surpreendido pelo resultado...

Querida Marie,
mas o sorriso da Diabólica Menina está sempre aí, sem ter de reforçar-se com a bonecada que Lhe não chega aos calcanhares...
Claro que os Diabos podem gostar de gente pouco simpática, talvez ela esteja mais próxima de Lhes fazer companhia no Inferno... se bem que Consigo qualquer um se transformasse logo em Paraíso.

Querida Patti,
essa interrogação deixa-me babadíssimo.

Querida Ka,
ai, perdão, não queria plagiar!
E quanto a esses dias maus, nem queira saber! Uma verdadeira serpente, a confirmar o meu signo chinês.
Beijinhos

Mialgia de Esforço disse...

Eu se fosse adepto de certo clube também andava cá com uma carranca. Mas isso passa com o tempo.

Abraço.

Paulo Cunha Porto disse...

Querida Gi,
ainda bem que gostou. Fico logo bem-dipostinho para o resto do dia.
Beijinho

Paulo Cunha Porto disse...

Meu Caro Mialgia,
olhe que nos últimos tempos a careta desgostada paira mais a Norte...
Abraço

Mialgia de Esforço disse...

Como assim se o Leixões lidera destacado? E eu neste momento sinto-me invadido de uma enorme dose de optimismo benfiquista...

Abraço.

Pedro Barbosa Pinto disse...

Quando li a primeira vez o post, perguntei-me porque o Paulo só nos desejava excelente o começo do dia. Então e o restante?
Agora entendi que se tratava duma metáfora futebolística.
Bahhhh

cristina ribeiro disse...

Buscando carícias no ego, D. Pablo? Tantos são os sorrisos com que nos presenteia todos os dias, de todas as formas...
Mais um sorriso lhe envio daqui, junto com um beijo e votos de dias bons :)

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Não se subestime, meu caro Paulo. Você sabe que eu sei, que você sabe, que é um verdadeiro "gentleman".
A foto é notável!
Abraço

Paulo Cunha Porto disse...

Meu Caro Mialgia,
vamos lá ver quanto dura...

Meu Caro Pedro,
então a passarada não remetia para as águias?

Querida Cristina,
até gostaria de acreditá-lo, só me referia àquelas figurinhas dos comments, que nunca consegui usar.

Meu Caro Carlos,
enfim, foi um desabafo, por não alinhar na ilustração pelos tais desenhinhos...
Beijo e abraços

ana v. disse...

Resmungão, bastante... mas nunca antipático, ora!
E pronto, lá alinhei eu no teu "fishing for compliments", com muito gosto! :-)

beijinhos

PS: Esta fotografia também já passou lá pelo Porta. É fantástica, embora eu não tenha a certeza de que não tenha uns bons retoques de photoshop...

fugidia disse...

E pelo esconderijo, em tempos.
E cá estou eu com a bonecada, espelho do meu sorriso
:-)
:-) :-) :-) :-)

Beijinhos.

JúliaML disse...

já é muito conhecida no Google, a foto, Paulo...

JúliaML disse...

:-))

LOL
:-(

:-T
:-N
:-%

:-Y

:-O

:-#

Anónimo disse...

Não me parece que o ênfase da mensagem deste post esteja na antipatia, a qual só é referida marginalmente, e sim na genuinidade expressa na incapacidade de recorrer a artifícios gráficos…

ariel disse...

Pronto, é o problema de chegar tarde e a más horas:)ao blog, a ana v. já me "roubou" (salvo seja) a expressão fishing for compliments, que me apeteceu logo usar quando li o post...:)...

Sendo tarde para desejar um excelente começo de dia, desejo uma excelente noite..:)

Beijinho

Luísa disse...

Quando entrei na blogosfera, Paulo, também achei estranho o uso desses símbolos, que desconhecia. Mas aderi logo. Primeiro, para superar a insuficiência das palavras na transmissão do meu estado de espírito. Segundo, e mais importante, porque adoro receber sorrisos. Mas no seu caso, Paulo, o sorriso vem – e muito cândido… - com a sua fotografia. Não precisa de reforços.
……
…… :-) tímido e hesitante ……

Paulo Cunha Porto disse...

Querida Ana,
que bom, estava eu na dúvida se tinha escolhido acertadamente o chamariz...

Socorro, Querida Júlia, preciso de um dicionário!
Pois, mas este saloio autista que sou, se não a tem recebido por e-mail, ainda estaria ignorante do extraordinário resultado!

Caro Anónimo, sem dúvida, foi isso que me determinou. Mas sabe tão bem ver certas marginalidades impugnadas...

Querida Ariel,
e retribuo eu agora com o de uma excelente tarde.
Ora, a minha vocação sempre soube ser a pesca, mesmo que de palavras agradáveis!

Querida Luísa,
insuficiência de palavras, no Seu caso, só pde ser ironia, já que, numa das mais belas prosas da blogosfera, cada termo está no seu lugar e ideal.
Nada tenho contra o uso das sinalefas, constato é a minha incapacidade no campo. Se não tivesse como prioritário o anseio de conseguir cantar, até endereçaria umas preces no sentido de superar a limitação.
Beijinhos e abraço