quinta-feira, 27 de novembro de 2008

Estar Com os Azeites

Está explicada, quanto a mim, a razão de as petrolíferas, em Portugal, não baixarem o preço dos combustíveis tanto quanto as quedas do mercado poderiam determinar: antigamente o petróleo era vendido pelos azeiteiros e a expressão tomou, em gíria, o sentido de sujeitos que fazem tudo para dar nas vistas. É a procura da notoriedade, puro Marketing empresarial...

11 comentários:

Patti disse...

O melhor azeite é o que vem do azeiteiro de Trás-os-Montes.

Luís Bonifácio disse...

Em termos nortenhos, um "Azeiteiro" é aquilo que em Lisboa se chama "Xunga".

Paulo Cunha Porto disse...

Querida Patti,
a minha costela transmontana agradece a preferência pelo produto das oliveiras da terra.

Meu Caro Luís Nonifácio,
Bem-Vindo a esta nova encarnação!
Creio que o espaventoso do significado linkado não anda longe desse conceito, também cá pelo Sul...
Beijinho e abraço

Ka disse...

Um azeiteiro na invicta é...um Azeiteiro :)

Ai o Azeite de trás-os-Montes!!! Com que então também tem costela transmontana Paulo...muito bem :)

beijinho

Mialgia de Esforço disse...

Espero que, mais logo, os Deuses do Olimpo não o façam ficar com os ditos...

Abraço.

Ka disse...

lol
Lendo o seu comentário fico a pensar se este post do Paulo não será um prenúncio ...:S

(a brincar Querido Paulo:) )

Rudolfo Moreira disse...

A questão dos preços é muito mais avinagrada.

LADY-BIRD, ANTITABÁGIKA, FÃ DO JOMI LOL E JÁ AGORA DO NOSSO AMIGO ANTI-TECNOLOGIAS: MARCHANTE (se não existisse tinham que o inventar) disse...

lolool... essa dos azeiteiros está bem vista sim Senhor!
Só o Paulo...
Beijinho

ariel disse...

Querido Paulo, pois eu para não ficar atrás, também tenho costela transmontana, pelo lado do meu pai, ali de Ribeira de Pena...:)

ah pois os azeiteiros das petroliferas, está-se mesmo a ver que eles preocupam-se é com a nossa saúde, estão a promover a mobilidade, que isto de andar de pópó, além de ser pouco ecológico, ainda nos faz engordar...

beijinho

Paulo Cunha Porto disse...

Querida Ka,
há um transmontano em cada quarteirão, como um Português em cada canto do Mundo...
E Grrrrrrrrrrrrrrr, quanto ao prenúncio.

Ai, que profecia aziaga, Caro Mialgia! O que vale é que sempre gostei do Velho do Restelo!

Mei Caro Rudolfo,
mais de vinho deixado azedar.

Querida Lady Bird,
repare, aumentando o postal ilustrado com um clic, como as transacções petrolíferas estão lá consagradas. Eu nada invento.

Querida Ariel,
nada mais adequado para uma Águia do que Ribeira de PENA...
E aquelas terras da Verdade levaram a uma diáspora propiciadora de encontros felizes.
Quanto às sanguessugas gasolineiras, ainda há a acrescentar o cuidado coma nossa coluna, querendo evitar que carreguemos pesos, a começar pelo da bolsa...
Beijinhos e abraços

Bic Laranja disse...

"Azeiteiros são aqueles mans que andam ali no carrocel no parque ao domingo à tarde."
Domingo é quando um azeiteiro quiser.
Cumpts.