quarta-feira, 10 de dezembro de 2008

Onde Mora a Dona Patti?

É Servida, ó Freguesa?

8 comentários:

Patti disse...

Olhe que eu todos os anos vou a Águeda e nunca lá vi essa menina, mas pronto reserve lá uma bilha, cântaro ou pote que eu trago para Lisboa, para quando da falta da seca.

Bom, vou-lhe aqui contar que eu sou a mulher das feiras, não há nada melhor que uma feira tuga, cheia de miscelânea, farturas e pregões.
E já escrevi alguns posts sobre o tema.
Coisas de citadina que queria ser do campo.

Patti disse...

Para a falta da seca, não deve ser de grande vantagem, mas para a falta de água, talvez.
:D

Mialgia de Esforço disse...

Patti,

Foi tarde e a más horas que me apercebi do grande evento de ontem: o seu aniversário.

Se ainda for a tempo: MUITOS PARABÉNS!!!

cristina ribeiro disse...

Imagem bonita essa, Paulo.
Gosto muito de loiça em barro. E tenho alguma: agora deu-me para procurar uma chocolateira igual àquela onde a minha mãe fazia o chá, na lareira :)
Beijo

LeniB disse...

Uiiii....esta fotografia da Patti é tão antiga!!!!!
bjs

Patti disse...

Obrigada Mialgia, vêm sempre a tempo os parabéns.

Paulo Cunha Porto disse...

Querida Patti,
por acaso não ia a umas de velharias aos Domingos, aqui na Linha? Se sim, devemos ter-nos cruzado, frequentei-as durante anos.

Querida Cristina,
não quer publicar uma imagem do modelo?
Estou algo retirado do meio, mas nunca se sabe...

Querida LeniB,
nunca confundir a Oferta com a Procura, ehehehehehe
Beijinhos

Teresa disse...

A Dona Patti para mim é outra, desculpe, querido Paulo.

Só quando abri a caixa de comentários percebi que não era de nenhuma das minhas Pattis (Patti LuPone e Adelina Patti) que falava.

E vou roubar-lhe descaradamente um vídeo, aviso já.

Beijo. :)