sexta-feira, 12 de dezembro de 2008

Depois da Festa

O Almoço Festivo, de Nicolas LancretNão pensem que ficámos assim, mas foi uma bela Ceia de Natal, antecipada em horário e calendário, com blogadores que conheceis. A Ana Vidal, a Leonor e o Hélder, a Patti, a Fugidia, o Luís Serpa e este chatarrão que dá notícia do festim. É sempre bom conviver também ao vivo com as nossas Amizades Virtuais. Há a ponta de perversão, tentando fazer coincidir a imagem postada com a posta de Gente que nos caiu à mesa. Mas há muito mais, a descoberta do Outro, com um pretexto estimável, dado já termos preenchido algum critério de interesse despertado, não ser a pura confiança numa alea que pode desmentir-se.
Tenho de dizer que tudo superou as minhas apesar disso altíssimas expectativas. Os que já conhecia estavam no Seu Melhor. E aqueles que passei a conhecer justificaram também ainda andar nesta vida, provando que ainda temos satisfações a retirar. Falou-se do nosso tema comum, a blogocoisa, mas também de tudo um pouco. E todos concordámos que este meio é uma amostra do Mundo. Do Bookcrossing à influência da Lua sobre as marés, do Carácter Nacional Austríaco às belezas de Itália, da sobrecarga escolar dos Miúdos de hoje às vitórias benfiquistas, da problemática das juntas médicas, à afeição pela gataria e à Arte de Lobo Antunes, de tudo conversámos. Como aqui, afinal. Será a Blogosfera que imita a Vida, mas estou prestes a cair na tentação de sentenciar que talvez seja a Vida a imitar, um pouco a Blogosfera...

25 comentários:

Leonor disse...

Caríssimo Paulo,
Adorei o almoço e este post. A companhia foi óptima, a conversa deliciosa.
Beijinho

PS. O link do Geração Rasca não está bem ;-)

Hélder Franco disse...

Ora nem mais caro sofredor de causa comum. Um magnífico repasto, servido em excelente companhia.
Aproveito para completar algo que ficou pendurado aquando da despedida esta tarde: SIM, este ano é que é!

ariel disse...

Pronto, lá estou eu cheinha da ciúmes..., eu bem avisei que me tinha auto-censurado naquele malfadado teste....

beijinho

Gi disse...

É a vida dos que têm blogues e cuja autenticidade na rede se espelha na vida sem ela.

filomeno2006 disse...

El Menú.....¿A la altura de la conversación?
Ab.

Patti disse...

Pois eu fiquei ao lado do chatarrão que de tal coisa não tem nada.
Um compincha do melhor, bem disposto, de sentido de humor apuradíssimo e falador, tal qual como aqui.

Adorei estar convosco, foi uma agradável surpresa este almoço com gente animada, conversadora e excelente companhia.

Não dei pelo tempo passar. Um must.

E agora as fofocas:
- só as senhoras comeram doces;
- o PCP adora salada de batata;
- ninguém comeu peixe;
- e os croquetes de entrada foram todos!

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Se todos os chatarrões fossem como tu, Paulo, a vida era não só mais alegre, mas também mais rica.
Agora essa de numa Ceia de Natal ( mesmo antecipada...) ninguém comer peixe é que não percebi!

ana v. disse...

Um must, como diz a Patti! Temos de repetir, está visto, e da próxima vez juntar alguns dos queridos ausentes: os que se "escaparam" (ah, pois, pois...) e outros que queremos acrescentar ao grupo, porque sim.

Deixo aqui um bejo para todos, e um especial para o "chatarrão" que anda, sim, no mundo da Lua... :-)

Luísa disse...

Sobre a junção dos «queridos ausentes» de que fala a Ana, informo já, Paulo, que, se não se conversar também sobre as vitórias sportinguistas, não contam comigo! :-D
(Recado para a Ana: e se não se disser mal de ninguém, não sei...) ;-)

Paulo Cunha Porto disse...

Ai, Querida Leonor,
mil perdões, escapou-se-me o hifen!
Agora a comezaina como traço de união entre os convivas é que não falhou! Temos de repetir.

Meu Caro Hélder Franco,
sim, o Glorioso vai dar-nos a grande alegria, quase tão considerável como a da patuscada de ontem. Foi um bocado muitíssimo bem passado (o que, ao contrário da picanha é desejável). Adorei conhecer-Vos.

Quetida Ariel,
não perde pela demora, a Menina ainda vai ter de nos distinguir com uma chegada ao estilo da Colega Vitória...

Meu Caro Filomeno,
bem, eu preferia a Picanha mis em sangue. Mas pode ter sido bom para não enojar as Senhoras.

Querida Gi,
foi lá muito Falada.
No caso da Minha Amiga, então, há sobreposição de monta. Com que então, um Trabalho que se traduz em blogar, heim?

Querida Patti,
uf! Foi grande responsabilidade, ms muito maior satisfação, estar sentado ao lado da Presidenta. E pronto, lá me descobriste ainda mais a careca: agora, os Leitores vão aperceber-se de que andei a pedir batatinhas aos Circunstantes!!!
Não me perdoo é ter esquecido o "retrato de família". E com a Tua maquineta mesmo à mão!

Caríssimo Carlos,
Obrigadíssimo pelo Teu magnânimo Juízo.
É verdade; bem, para os que, como eu, optaram pela picanha, há uma explicação - o empregado que nos atendeu era Brasileiro, logo impunha-se aquele prato típico...

Querida Ana,
lá porque algumas vezes me sinta na Lua, como quando estou Convosco...
E sim, viva o Alargamento, começando por Certa Vizinha, logo aqui de Baixo...

Querida Luísa,
não seja esse o impedimento: gosto tanto de falar de Ficção, como da Realidade. E para A ter entre nós até me ofereço para bode expiatório de que se diga o tal malzinho...
Beijinhos e abraços

ana v. disse...

Querida Luísa, está prometido: por mim, não me importo nada de tecer loas ao Sporting e até de dizer mal de alguém à sua escolha... desde que venha!

(A nossa Luísa está a transformar-se numa espécie de D. Sebastião dos blogues... já viu bem a responsabilidade? ;-))

tsantos disse...

Hmmm, que inveja...

Ab
T

ariel disse...

Bem, lá terei começar à procura dos serviços de uma limusine...:)))

Mialgia de Esforço disse...

A auto-flagelação já está consumada...

Abraço.

Rosarinho disse...

Que pena não ter podido ir!
Um beijinho para todos - os que já conheço e os que ainda não conheço.

Rosarinho disse...

A malandra da Fugidia ainda não me telefonou a contar as novidades...

Rosarinho disse...

Deve ter ido ao florista...

fugidia disse...

:-p
Não fui ao florista, Rosarinho; estive mesmo com ele :-p


Querido Paulo,
que saudades de ti; e que bom ver-te assim... como direi... a flutuar? :-D
Já está aceite o convite para o tal café... ;-)
Beijinhos

Paulo Cunha Porto disse...

Meu Caro TSantos,
se julgas que estás isento de um convite, a Tua qualidade e Insigne Comentador obriga-Te muito maior prudência.

Querida Ariel,
então a Condição Aquilina não Lhe permite vir pelo Éter? Eu não falava da Lady Beckham, mas de outra Vitória, a Bela Ave Benfiquista!

Meu Caro Mialgia,
e contestada!

Querida Rosarinho,
fez lá muita falta.
E essa Fugi floralmente arranjada estava incumbida de Lhe fazer um alerta - para a homenagem ali de baixo, no cantinho sextante.

Paulo Cunha Porto disse...

Querida Fugidia,
são os efeitos levitantes do Vosso Afecto.
Vamos a ele!
Beijinho

Leonor disse...

"Agora a comezaina como traço de união entre os convivas é que não falhou" Que bonito, Paulo :-)

Rosarinho disse...

Parece-me que o Paulo também encontrou florista!

tsantos disse...

E que tal considerar a hipótese de um almoço cá para estas bandas?


O povo do Norte também merece ir para a comezaina com o seu Príncipe, não?!

Ab
T

Paulo Cunha Porto disse...

Obrigado, Querida Leonor,
mas foi a Verdade a impor-se...

Querida Rosarinho,
olhe que confundir a Flor com Florista é como a história da Árvore e da Floresta...

Meu Caro TSantos,
não queria eu outra coisa, não podias ir industriando a Júlia, a Ka, a Margarida Pereira e o Pedro Barbosa Pinto sobre o que os espera, em havendo ocasião mais propícia?
Começavam uns jantarinhos dos "Amigos do duro"...
Beijinhos e abraço

tsantos disse...

Bem, mas que progresso, estares disposto a vir até cá acima! Há anos que eu ando a tentar isso...

Que pensam, os visados?