segunda-feira, 20 de outubro de 2008

Começar de Novo

A insinuação de que eu pudesse estar do lado de algum Totalitarismo político mais não faria do que divertir-me. Porém, a obsessão em procurar um sentido útil para as palavras leva-me ao plano sentimental e social da minha esfera de acção. Parece-me ser reprovável mostrar-se totalitário na Exigência, talvez esteja fora do meu alcance conseguir sê-lo na faculdade da dádiva de mim. Sobretudo em momentos em que me auto-examino e pergunto se terei alguma coisa que valha a pena oferecer. Mas conviver não é só aplicar-se, seja na rusticidade da afirmação pessoal, seja na ostensiva generosidade de disponibilizar-se. É, muito mais, olhar para o Outro e Nele encaixar-se, sem mutilações, mas com a conveniência de fazer umas férias de si, as que qualquer aprendizagem dá.
Muitas Pessoas há de Quem quero aprofundar a noção. Isso basta para seguir em frente, sem temer reacções adversas.
Aqui fica o convite a Quem vier por Bem

66 comentários:

Nocas Verde disse...

Caro Paulo,
Grata por atender ao meu pedido.

E, tão a despropósito como é o meu (des) propósito, lembrei-me (argh... memórias musicais vergonhosas) do refrão de um músico...
Quem vier por bem / venha, venha também / Venha e traga mais um amigo
(não digo de quem é!

marilia disse...

Eu sou a primeira a comentar este blog!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Passada essa euforia insana e momentânea, querido Paulo, digo que recomeçar é sempre muito bom.

Desejo feliz recomeço e que possamos sempre nos corresponder, qualquer que seja seu ponto de parada.

Abraços

marilia

marilia disse...

well, ao atualizar a página, vi que não fui a primeira a comentar

mas valeu a intenção


sninf!!


beijosssss

Once disse...

"atrevo-me" certamente Querido Paulo já que o único risco que sei correr é o de me enriquecer fazendo-lhe por aqui alguma companhia :)

Bem vindo*

cristina ribeiro disse...

Como sei que o lema é "por bem", aqui me tem a bater-lhe à porta Paulo, para apanhar um bocadinho do seu saber.
Beijo

Mialgia de Esforço disse...

Meu Caro Paulo,

Ouvi, sim senhor, e aqui estou eu. Dá-me grande satisfação saber que poderei continuar a desfrutar da sua estimulante prosa.

P.S: E ainda há quem diga que a minha biblioteca está desarrumada…

Abraço.

fugidia disse...

:-)
:-)
:-)

Que bom, monstrinho das bolachas.
Já estava com saudades...
Beijo e bom recomeço :-D

Patti disse...

Que bom Paulo, apesasr do pouco tempo, gostei muito de o ler lá.
Tudo de bom por aqui.

MP disse...

Ora bem :)

Bjs

ana v. disse...

E eu que também gostava de ter sido a primeira... o que só prova, querido Paulo, como todos gostamos de ti. Mas acho que já sabias disso.

Um beijo especial e bom regresso à bloguice. Afinal, o intervalo foi insignificante... ainda bem!

filomeno2006 disse...

Confiemos que haya pocos motivos para "lamentaçoes" en el nuevo Blog.
Saludos desde la Lusitania Interior (alias Meseta).

Margarida Pereira disse...

Entremeada subtil em evocação espiritual, histórica e humorística.
Sem 'graffiti'; com pinceladas firmes, vibrantes, cromáticas e sabedoras.
E espaço para as gargalhadas, os ‘highbrows’, as dúvidas e inquietações.
A partilha, coisa crescentemente rara. Preciosa, pois.
Delícias expectáveis.
Regista-se a boa notícia, a iniciar uma semana outonal.
Pelo resto, agradecimento veemente.
Sublinho.

(…e beijinhos, Paulo, muitos! Já se sabe destas sentimentalices incontornáveis que me assolam…)

Pedro Barbosa Pinto disse...

Este post merecia a música do Ivan Lins em fundo com dedicação ao corta-fitas.

Começar de novo
E contar comigo
.
.
.
vai valer a pena
Já ter te esquecido

Pedro Barbosa Pinto disse...

dedicatória*

cristina ribeiro disse...

P.S. Não lhe dizia que ficava melhor sem gravata? :)

Xantipa disse...

Adorei a foto! Agora não me desiluda e não me diga que foi tirada num alfarrabista! Diga-me que é a sua biblioteca e sentir-me-ei mais acompanhada...
:)
Beijinhos!

Luísa disse...

É um dia bom, Paulo. O que mais me estimula na blogosfera é a nossa «tertúlia» e qualquer saída é um choque, como qualquer regresso, uma festa. O aspecto gráfico do «Duro» está espectacular: enche-me o ecrã (que é quase de cinema) e os olhos. E aqui vamos nós numa «nova partida, nova corrida», de férias de nós mesmos. :-)

zazie disse...

Uauu! está lindo! e vais-te lembrar de uma citação do Braudillard que anda tanto a propósito e bem escondido debaixo do tapete.

Vou já anunciar

beijocas fofas

RAA disse...

É isso mesmo, abaixo a reacção (adversa)!
Ab.

JúliaML disse...

Eu estava a guardar-me para última, mas não me aguentei! :-))

Bom, Paulo, (agora a sério) nada como ser recebida na sua própria casa. Nada como tê-lo de volta. Pegue lá dois beijos repenicados.

Rosarinho disse...

Que bom ter regressado! Se fosse possível, faria votos de que este blog fosse ainda melhor que o anterior.

Rosarinho disse...

E parabéns pela divisa. Muito jesuítica...

Gi ** disse...

olá,

segui o som do badalo e cheguei até aqui.

que mal lhe pergunte, porque está com cara tão assarapantada?

Hélder Franco disse...

E vamos continuar a ter sextas-feiras?

Uma boa estadia nesta nova morada é o que lhe desejo.

JúliaML disse...

hoje é sexta! por amor dos dues, então hoje não é sexta?

hi disse...

Secundo as afirmações da rosarinho, embora advinhe que as orginais lhe são mais queridas e relevantes.
Agradável regresso e sorte.

JúliaML disse...

desculpe, hi, junte-se às suas colegas lá em cima, eu sou a última.

fugidia disse...

Não queria mais nada, Júlia!
Eu é que sou, que quero um pedacito de bolacha, ora!
(gargalhada)
:-)))

JúliaML disse...

vamos lá a saber, mas a menina não estava a dieta?

então, tome tenência, ora!

mas afinal onde está ele? deve andar a carpir noutros blogues que não o nosso!!

LOL

filomeno2006 disse...

Amigo Paulo: observo cierto parecido con el Dr. Sousa Franco en la fotografía oficial del presente blog.
Ab.

Paulo Cunha Porto disse...

Querida Nocas Verde,
Por nada, grato fico eu em me ter esporeado. À conta disso ainda A caço para Madrinha do blogue...
E que não seja a Política a interferir na Estética, mesmo a musical. Os baladeiros tinham du bon.

Querida Marília,
valeu, certamente. E o importante é que está cá. Nunca esquecerei os mails de incentivo que me enviou, durante o período sabático que me impus. E do Lado de Lá do Oceano!

Querida Once,
não brinque, o refinamento magnético da Sua Escrita soma-lhe um outro perigo - o de arrastar atrás uma falange de admiradores. Mas acho que deve ser corajosa e comentar SEMPRE.

Não brinque, Querida Cristina, se ainda ando por cá a Si se deve, pela maternidade espiritual das «Afinidades...». Estive quase a ir para o Sapo, por causa do que aconteceu à Nefelibata, mas este sistema é mais simples...

Meu Caro Mialgia de Esforço,
Bondade Sua. E então o meu quarto é de fugir, com pilhas de livros entaladas entre o chão e o tecto, para não desabarem... Procurei que as imagens do template não desmerecessem a da fotografia, claro. Mas também tenho salinhas de disposição apolínea, como provo aqui:
http://parafrasefacil.blogspot.com/search?q=retrato+de+fam%C3%ADlia

Querida Fugi,
esse peludo alter-ego deu-me instruções expressas para Lhe fazer ver que a foto é uma indirecta, de forma a não esquecer as bolachinhas na inauguração da casinha...

Querida Patti,
já tinha comentado com a Ana Vidal o quanto gosto da Sua Blogação. Permiti-me linká-La, espero que não leve a mal. E agradecido pelas palavras.

Querida MP,
reconhecido por continuar a frequentar-me. Lembro com saudade as Suas intervenções no «Afinidades...», apesar de escassas.

Querida Ana,
foste a Primeira a ser avisada por mail, e só precedida pela Nocas, que fazia anos hoje. É no que dá seres uma Rapariga Ocupada...
E sim, foi como passar um fim de semana fora.

Caro Filomeno, Hermano Estimadíssimo,
sabes bem como fazes parte da "marca" dos meus blogues, pelo contributo inestimável dos comentários, como pela defesa e promoção que deles fazes noutras páginas. O melhor que daqui saia é Teu, de pleníssimo direito!

Querida Margarida,
adoro sentimentalices dessas...
O Seu afecto está é a elevar muito a fasquia! E se eu me mostro incapaz?

Meu Caro Pedro Barbosa Pinto,
o Meu Amigo é Danado, passe a expressão, com a imaginação de tal declaração de intenções...
Só posso exprimir a gratidão pelo que me encorajou, até por correio. E senti-me no Céu com certo comentário shopenaueriano, no «C-F»...

Querida Cristina,
ora deve ter sido truque do fotígrafo (por acaso também eu)

Querida Xantipa,
ainda bem! É o cantinho junto ao computador, o das leituras urgentes, veja lá a loucura do animal!

Também eu, Querida Luísa, tenho esta Tertúlia como uma das mais-valias absolutas desta vida. E sim, mas a Lua que vamos correr, ao contrário da de Bécaud, é, substantivamente, a mesma...

Obrigado, Querida Zaz,
com a Tua Arte propagandística, que rivaliza com a do Dr. Goebbels, a notoriedade blogosférica está assegurada. E por acaso pensei que o arranjo não Te desagradaria.

Meu Caro RAA,
só Tu! Então com essa troca ainda me queres progresista? Sei que em progresso, certamente.

Venham mais dois, Querida Júlia!
A Minha Querida Amiga Refreada? Gostaríamos na mesma de Si, mas não seria a nossa Júlia, com o ímpeto que a todos emociona!

Rosarinho!!!!!!!!
Mas... ainda dizem que não há milagres? Já diviso, foi então da... divisa!
Vamos a ver. Só posso assegurar que, com tanta mão Amiga a ajudar, a responsabilidade é colossal.

Querida Gi,
dantes, no campo, pensava-se os sinos como sendo anjos. Não sei quanto a esse badalito, mas é certo que trouxe Um aqui.
Dou-Lhe duas versões:
1-hard: Deus estava distraído quando me fabricaram.
2-soft: o meu pavor de máquinas transpirou...

Meu Caro Hélder Franco,
não com esse nome, mas decerto uma rubrica da espécie. Pensei do género "Que dia é hoje", rodando, sendo em um diverso cada semana. Não devia era começar nesta data, ou viriam protestos por se tratar de uma Piquena de Segunda...

Querida Júlia, ehehehehe,
Sexta é quando um homem (se for bloguista e não-puritano) quiser!
Beijinhos e abraços

José Carlos disse...

Que bom, digo eu...

Paulo Cunha Porto disse...

Querida Hi,
que bom que também não desertou!
Tê-La por cá é uma alegria do tamanho do Atlântico.

Meu Caro Filomeno,
quem me dera pescar um mulésimo do que ele sabia de finanças!

Júlia, Fugi,
então, "as Últimas são as Primeiras" não é para levar à letra. E que eu mal pergunte, o ramo gulosístico da Dona da Toca não era o chodolate?
Beijinhos e abraços

Paulo Cunha Porto disse...

Grande abraço, Meu Caro José Carlos. Bem-Vindo à nova morada.

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Caro Paulo:
Pela calada da noite, viajando por ruas e vielas, vim cá parar.
Um abraço de boas vindas.

fugidia disse...

Claro que é o chocolate, ora, alguma bolacha se compara ao chocolate?!
:-)))

Ah, e a inauguração (que não está esquecida) vai ter bolachas e chocolate :-)

Beijo, Paulo e um enorme para o monstrinho :-)

João Távora disse...

Caro Paulo: gosto dos tons de azul desta sala em que nos recebes de livro pousado. Abraço amigo!

mike disse...

Caro Paulo, recostei-me na cadeira e agradou-me a ideia de ser o último a comentar. Peço-he, encarecidamente que suprima os comentários seguintes. Também me agradaram outras coisas. A ver: do contexto das palavras insinuação e totalitarismo, palavras de que não gosto; do azul como cor predominante, por razões que só o mar conhecerá e confesso que, por instantes fui assaltado por um calafrio adivinhando o vermelho de um certo clube lisboeta; das duas principais palavras do título. Mas o que mais me agrada é tê-lo de volta. Dos duros não sei, mas dos fracos não reza a História. E das lamentações das meninas às sextas-feiras.
Um abraço.

Grande jóia disse...

Muitos parabéns pelo bom gosto e elegância da resposta. Começar de novo, pois claro, e com muitos admiradores.

mike disse...

Que azar, Grande Jóia... o seu comentário vai apagar-se automaticamente dentro de 10 segundos... 1, 2, 3, 4...
(Creio poder contar com o perdão de ambos, Paulo e Grande Jóia).

takitali disse...

Boas notícias! Um grande abraço.

Bic Laranja disse...

:) Cumpts.

DB disse...

Amigo Paulo,
Eu bem dizia "até à tua próxima paragem blogosférica"...
Óptimo regresso!
Um abraço.

Carlos Portugal disse...

Caríssimo Amigo:

Passei logo por aqui, mal ouvi (li) o Seu chamamento. Quero-lhe dar os parabéns por este recomeço - que mais não é do que uma continuação - do Seu espaço de Lucidez e Cultura num mundo - tanto blogosférico como material - em demência entrópica. O meu Caríssimo Amigo faz imensa falta, aliás como o testemunham todos estes comentários ao Seu primeiro postal.

E a foto do gato a passar calma e desafiadoramente em frente da matilha, muito ciente da sua felinidade (e superioridade a vários níveis, que não o do número), está genial.

Mais uma vez parabéns, Caríssimo Amigo. E muitas felicidades, tanto no blogue como em tudo na Sua vida, é o que lhe deseja o

Carlos Portugal

Paulo Cunha Porto disse...

Meu Caro Carlos Barbosa de Oliveira,
que alegria tê-Lo em casa minha, onde decerto poderemos aprofundar o nosso contacto, tão prometedor e (para mim) fecundo nos seus passos iniciais!

Querida Fugi, bom, bom, como toda a gente sabe sou um sujeito que faz tudo por um consenso. Que tal fecharmos o negócio com umas bolachas de cobertura de chocolate? Não estou a tentar resolver a coisa à bolachada, note...

Meu Mais Que Caro João,
por todas as razões e por aquelas que agora mais se conhecem, esta casa é Tua. Possa a Perfeição que encarnas(te) ajudar a limar os meus muitos defeitos.

Muito Caro Mike,
não vou apagar os comentários dos Amigos que seguem, porque Os creio empenhados em fazer de Guarda de Honra a Quem, em momento que me prometia tornar sem-abrigo, magnanimamente abriu de par em par as portas da Sua Mansão. Aqui, o Amigo manda.

Regressado Takitali,
encantado com o Regresso às minhas caixas de Tão Excelso Comentador!

Grande Bic Laranja,
nem queira saber a felicidade de ter um poleiro de onde possa interagir com o Blogo!

Duarte, Amigo do Coração,
conheces-me, não há dúvida! Temos de combinar uma almoçarada, nem que seja no dia 25 se Abril, para dar uso ao feriado.

Meu Caro Carlos Portugal,
pensei em Si ao escolher a imagem, já que O sei "gatófilo" como eu. E porque não queria magoar os bichanos, já que a anterior casa própria os exibia no cabeçalho.
Gostaria que fosse ilustrativo, como o Amigo descodifica, mas claro que os pastores alemães são estimáveis, disciplinados e úteis...
Beijinhos e abraços

fugidia disse...

:-)

tsantos disse...

Bem, parece que está tudo dito, não é? Mas, como te prometi, aqui fica o testemunho da minha (primeira) visita!
Ainda bem que regressaste!

Ab
T

Paulo Cunha Porto disse...

Ainda bem, Fugi!

Querida Grande Jóia, perdão, saltei a Sua Exortação, que me diz tanto! É tão bom sentirmo-nos apreciados por Quem nos merece Consideração...

Fraternal TSantos,
estava a ver que me tinhas abandonado! Olha que Amizades desde os oito anos obrigam a sacrifícios, ehehehehe.
Beijinhos e abraços

tsantos disse...

Caríssimo

Eu, abandonar-te? Nunca! Se bem te lembras, o mais que conseguimos aguentar sem nos falarmos foi uma semana, após uma estúpida quezília, já nem me lembro porquê...Acontece que Tu só hoje me informaste da abertura deste espaço...

Dito isto, prefiro ver-Te num sítio só Teu, sem controlos de "conteúdos" ou de "linhas editoriais", a não ser as que Te obrigas, por razões de educação e de bom gosto...e, que eu me lembre, nunca vi censurado nos teus blogs um comentário mais "cáustico" ou discordante, desde que feito com elevação e bom gosto. Se isso não é uma manifestação de Democracia, então não sei o que o é...

Ab
T

PS:

Paulo Cunha Porto disse...

Meu Caro TSantos,
mesmo sem elevação ou bom gosto! Quando tal sucedeu, simplesmente não respondi.
Sobre as linhas editoriais é muito boa, os termos de aceitação são apresentados antes, nunca depois. Claro que ninguém me vê a pactuar com uma proibição de denúncia da partidocracia!
Abraço amigo

Entretanto, a Quem queira uma admirável caricatura do caso, sugiro esta leitura:
http://impensavel.blogspot.com/2008/10/qaundo-soube-da-sada-do-dr.html

tsantos disse...

Caríssimo

"...mesmo sem elevação..." e "Quando tal sucedeu, simplesmente não respondi."

Mas ISSO é elevação! Ele há coisas, de facto, que não merecem qualquer resposta...Mas, neste caso, outros o fizeram (e bem) por ti!

Ab
T

PS: Se calhar isso não passou de um pretexto...Se calhar, estavas a fazer sombra a alguma gente...digo eu!

leonor disse...

Vim para o felicitar pela sua nova morada blogsférica, Paulo. Um beijinho e muito sucesso

ariel disse...

Caro Paulo

Já aqui estive ontém. Soube da boa nova através do Jansenista. Mas, ou foi pelo deslumbramento do seu novo template, ou por azelhice pura e simples, persuadi-me que a caixa de comentários não estava aberta. Sou a ultima a chegar...
Um grande beijinho

P.S. a partir de agora vou utilizar esta identificação em vez de ATAEJ

Paulo Cunha Porto disse...

Pois, Meu Caro TSantos, sobre isso, superiormente, os Outros melhor decidirão...

Querida Leonor,
que bom, tê-La por cá! Sinto o blogue pronto para as Curvas!

Querida Ariel,
nada como deixar cair siglas, para que um Nick mais alto se alevante! O resto digo-o na resposta ao comentário acima...
Beijinhos e abraço

Ka disse...

noc noc noc
anybody home?

Eu venho por bem :) posso entrar?

Fico bastante contente por saber deste seu novo blog!

E agora mãos á obra que estaremos aqui para lê-lo com todo o gosto :)

Paulo Cunha Porto disse...

Querida Ka,
não tão feliz como eu, por arrastá-La a este antro. E tenho a certeza de que por Bem veio. Não nos largue, suplico-o.
Beijinho

Ka disse...

CAro Paulo,

Então fica desde já feito o link :)

Aproveito para lhe dizer que esta semana quando me apercebi da sua saída do CF tentei procurar um mail para saber se iria abrir um blog.
Temo ter enviado para uma conta já desactivada :S
Ainda bem que temos "amigos" cmuns pois foi assim que cá cheguei de novo:)

Beijinho e bom dia

Paulo Cunha Porto disse...

Querida Ka,
eu vou pôr ali ao lado o mail a que vou mais. Provavelmente deve ter escrito para o do Sapo, que só usava para blogar.
Beijinho

MySelf disse...

Olha, olha... quem é ele! E não dizia nada?

Beijos

Paulo Cunha Porto disse...

Querida Myself,
pois se deixei nas «Afinidades...» nota tipo caça ao tesouro para os/as Amigos/as...
Beijinho

Helder Robalo disse...

Como não poderia deixar de ser, já está "linkado" nos meus Pensamentos.

Desejo-lhe sorte para este novo espaço e muitos "e-leitores" ;)

Um abraço

Paulo Cunha Porto disse...

Meu Caro Hélder Robalo,
gratíssimo! Não só é um contentamento enorme vê-Lo por cá, como vou de imediato fazer a ligação aos «Novos Pensamentos».
Abraço

Inês Ramos disse...

Aaahhh!!! Que bom! Já estávamos com saudades! Ainda bem que o aviso veio a tempo para acompanhar este espaço desde o início.
Um abraço.
Inês

Paulo Cunha Porto disse...

Obrigado, Querida Inês. É óptimo ter-Vos por cá.
Beijinho

Anónimo disse...

G'anda fascsista!

;-)
Abraço
Optio

Paulo Cunha Porto disse...

Pois, Optio, é realmente uma questão de... óptica, para mim os fascistas são tão parecidos comos democratas, amos a quererem aprisionar as pessoas em partidos... Uns num só, outros em vários, uns em milícias, outros em cabinas de votos... só varia o número. Tudo isso rejeito.
Mas como me deu por "fascsista! já sei que está longe de ser a mesma coisa.
Abraço, então