segunda-feira, 27 de outubro de 2008

Campo de Santana

Que espanta que a liderança do partido seja entusiasta da candidatura do Dr. Santana e o eleitorado nem tanto? A primeira quer dar-lhe um osso para calá-lo, o segundo quer alguém que não abale ao primeiro com mais tutano que lhe ofereçam. Por muito baça que a gestão do Dr. Costa seja, está lá há pouco tempo, só nos funcionários terá gerado anticorpos, o que é bastante menos do que a figura do Dr. Soares tinha feito nos grandes bairros de Lisboa sequiosos de mudança, mas sem terem suficiente arrojo para colocar na alheta uma simpatia superior, como o Eng. Guterres.
O mal do ex-Edil e Primeiro-Ministro é ter medo que o esqueçam, quando devia desejá-lo. Do ponto de vista dele, em nada o favorecerá um abandono, o qual, por muito injusto que possa ser, acabou visto como um acto de ambição que, pelas questiúnculas e pelo acto castigador do Dr. Sampaio, é universalmente tido como longe de ter valido a pena, desde logo para o interesse público.
Mas a Cruz de Lisboa, enquanto espreita uma hipótese animada do vocábulo, é ser um aterro de políticos escolhidos por conveniência de jogos partidários, em vez de o ser por vocação autárquica genuína, que envolvesse conhecimento e previsível capacidade de decisão especializados.

15 comentários:

Pedro Barbosa Pinto disse...

Cada vez mais aprecio a honestidade intelectual dos nossos jornalistas!
A receita é sempre a mesma:

Nas gordas – “Eleitores do PSD contra Santana”

Desenvolve-se então a notícia, começando pelo anúncio duma sondagem que justifica as gordas, continuando com frases avulsas e descontextualizadas de alguns dirigentes do PSD como que a desresponsabilizar o jornalista pela notícia e remata-se com o ‘silêncio/tabu à vista’ do visado para desfazer qualquer dúvida que ainda pudesse pairar na mente do leitor.

No final da notícia, a ficha técnica da sondagem que lhe deu origem (maldita lei que obriga a estas coisas). E quem são então os 523 entrevistados e putativos eleitores de Santana Lopes para a CML?

- 132 vivem no interior, 188 no litoral norte e 203 no litoral centro e sul. - não nos dizem quantos destes 203 vivem e votam em Lisboa :-(
- 239 são homens e 284 mulheres. - não nos dizem quantas destas 284 são Santanetes :-(
- 176 vivem em aldeias, 164 também em aldeias (será que queriam dizer vilas?) e 183 em cidades. - não nos dizem quantos destes 183 na cidade de Lisboa :-(
Não nos dizem também quantos dos entrevistados votam PSD :-( , mas como diria a Teresa Guilherme, “isso agora também não interessa nada.”

tsantos disse...

Ah, ah, ah! Bem visto, caríssimo Pedro!

Com efeito, a malfadada "ficha técnica" não interessa nada aos nossos intermediários das notícias...Mas também é verdade que a maioria das pessoas não sabe, nem quer saber, da representatividade (ou não) das estatísticas com que somos bombardeados...

Se a notícia diz isso, é porque deve estar certa, que "eles" não iriam enganar o povo, não é?

Ab
T

Paulo Cunha Porto disse...

Meu Caro Pedro Barbosa Pinto, tem razão, isto não se pode confiar nos autores da peça, que se entretêm a p(r)egar-nos uma peça, também na acepção brasileira do termo.
Agora se o ex-líder do PSD O ler, convence-se mesmo de que pode ganhar. E lá vão mais quatro de CISTAdos. Anos, claro.

Meu Caro TSantos,
as sondagens não costumam anteceder as perfurações'
Abraços

Pedro Barbosa Pinto disse...

Caro Paulo,
A única coisa que o ex-líder do PSD e desejoso futuro Mayor da Capital pode retirar do que eu atrás escrevi, é que a classe jornalista já me consegue causar mais náuseas do que a classe politica, o que, convenhamos, não era tarefa fácil!
E aqui que ninguém nos ouve, deixe-me dizer-lhe que para o convencer de que pode ganhar a CML, basta-lhe aquele gajo bonito que está sempre do outro lado do espelho que tem lá em casa, não precisa que ninguém escreva nada.

Obrigado pelo apoio TSantos :-)
Abraços

Mialgia de Esforço disse...

Por isso é o Campo de Santana e o Campo dos Mártires da Pátria são uma e a mesma coisa.

Desvendado mais um dos enigmas do nosso tempo.

Abraço.

ariel disse...

"O mal do ex-Edil e Primeiro-Ministro é ter medo que o esqueçam, quando devia desejá-lo"

Na mouche querido Paulo!

quanto ao estado da CML, a porcaria que há para limpar é tanta, que será difícil arranjar um desinfectante poderoso cuja acção não provoque uma intoxicação em vez da desejada desinfestação...

Bic Laranja disse...

Depois de tudo o que já se viu porque se fala ainda no dr. Pedro Lopes? Qual é lobby que ainda o sustenta? Será a democracia uma roleta?
Cumpts.

ana v. disse...

Estou tão farta de política de quintal...

Tenho uma provocação para o nosso caro Mialgia: porque não um blogue seu? Eu seria a fã nº1! (ou já tem e eu não sei, com a minha habitual ignorância?)

Beijo, Paulo, desculpa a invasão.

Mialgia de Esforço disse...

Minha cara Ana,

O que é que eu disse ou fiz para o merecer?

Não, não tenho blogue próprio nem está nos meus planos. E caso viesse a tê-lo é bom saber que já teria uma fã. Provavelmente, a única. Mesmo que fosse acometido por tal veleidade, bastar-me-ia visitar os excelentes A Porta do Vento ou este Duro para tirar o cavalinho da chuva e arrumá-lo na box.

Paulo Cunha Porto disse...

Hahahaha, Meu Caro Pedro Barbosa Pinto,
esse é sem dúvida a sereia suprema cujo canto seduz os vaidosos. Agora, de cada vez que o Dr. Santana aparecer na TV, por causa do espírito do Meu Querido Amigo, vou imaginá-lo sempre nesse diálogo ao espelho...

Querida Ariel,
e dá-me tanta pena, embora minícipe em Cascais, sou capaz de ter gasto em Lisboa um número de horas da minha vida nada inferior. Quando penso na força que D. Sebastião conferiu à Cãmara Alfacinha, para bem das Gentes e a confronto com a decadência a que se chegou, mesmo institucionalmente...

Pois claro que sim, Meu Caro Bic, a resposta está no Casino que, em Lisboa, a passou a sustentar, a que, de resto, subtilmente alude.

Querida Ana,
Qual invasão!? Faço causa comum Contigo:
Blogue ao Mialgia!
Mas, como passei por uma Faculdade de Direito, insiro uma cláusula de salvaguarda:
"desde que Ele, com casa própria, não deixe de visitar-nos". Há que prever tudo, o Mundo está perigoso.

Meu Caro Mialgia,
de Fãs do Belo Sexo teria A Que Se acusou. Mas, se não desdenhar a admiração viril de quem tanto O preza, faça a fineza de adicionar o meu pobre nome.
Beijinhos e abraços

ana v. disse...

Por que não, Mialgia?
Olhe que eu já contaminei para a blogosfera vários irredutíveis... que agora já são mais entusiastas do que eu!
Mas claro, tal como o Paulo, espero que não deixe de visitar-me quando isso acontecer. Vá lá, tire o cavalinho da boxe e traga-o para a pista de corridas...

Mialgia de Esforço disse...

Minha Cara Ana,

Agradeço muito a sua insistência, mas mantenho o que disse e sem ponta de falsa modéstia.

Para além disso existem outros constrangimentos de vária ordem, um dos quais, a prazo, acabaria por me prejudicar e muito. Infelizmente, não me posso dar a esse luxo.

ana v. disse...

Ah, adensa-se o mistério... tudo isso só faz aguçar a minha curiosidade, o que, suspeito, seria exactamente o problema!
Pronto, caro Mialgia, não insisto mais. Mas pelo menos não deixe de aparecer como comentador, que eu gosto muito de vê-lo por este quintal blogosférico. :-)

Paulo Cunha Porto disse...

E, depois da reza da Ana, só me resta dizer
Amen!
Beijinho e abraço

Mialgia de Esforço disse...

E a Ana já descobriu uma das minhas fraquezas: o policial, esse indigno género menor!

E tão depressa não se vêm livres de mim :-)

E com a benção do Mestre me vou. Até amanhã!